banner_Tecnica-de-Coleta

Técnica de Coleta

A forma correta de coleta de sangue do Teste do Pezinho é fundamental para garantir o diagnóstico rápido e eficaz das doenças triadas. Evitar a repetição dolorosa do procedimento e a perda de tempo é a chave para que o resultado seja disponibilizado o mais rápido possível.

É importante que a coleta seja realizada sempre no momento da alta hospitalar, independente do tempo de vida do recém-nascido. Se a alta ocorrer antes de 48 horas ou, se por algum motivo, não ter havido a amamentação de leite, os pais deverão ser informados que uma nova amostra deverá ser coletada no prazo máximo de uma semana. Neste caso, os pais devem ser orientados a procurar a Unidade de Saúde mais próxima de sua residência, levando em mãos o “Informativo aos Pais” onde consta o número do exame da coleta anterior. 

O sangue deve ser coletado do calcanhar do bebê, através de uma punção com lanceta estéril e descartável. Não é recomendável o uso de agulha comum, mesmo que descartável ou coleta em seringa. O Serviço de Referência em Triagem Neonatal da Fundação Ecumênica de Proteção ao Excepcional fornece, gratuitamente, todo o material necessário para a realização da coleta.

Para mais informações, entre em contato com a Fepe pelo telefone: (41) 3111-1836.