118005364_3898515023496691_7435625017851177183_o

Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla

A Semana da Pessoa com Deficiência tem como objetivo destacar o papel de Protagonismo que os nossos alunos possuem. As escolas da Fepe auxiliam no processo de autonomia do estudante, garantindo, por meio do Currículo Funcional, que os alunos tenham condições de realizar atividades de maneira totalmente independente.

Com as turmas do Ensino Fundamental são trabalhadas alfabetização, letramento, ações de autonomia de alimentação, higienização e organização. Para as turmas do EJA (Ensino de jovens e adultos), além das já citadas, são realizadas produção de itens que são disponibilizados para venda. O valor arrecadado é convertido em atividades fora de sala de aula, em museus, cafés e cinemas.

img_6405

Semana da Pessoa com Deficiência

A Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla ocorre entre os dias de 21 a 28 de agosto com o objetivo de promover debates que provoquem na sociedade a reflexão sobre a igualdade e inclusão. A campanha é promovida pela APAE e o tema desse ano foi: “Família e pessoa com deficiência, protagonistas na implementação das políticas públicas”, confirmando que a participação da família, em todas as etapas da vida do filho, é importante para o seu desenvolvimento pessoal e escolar.

É claro que a Escola da FEPE não iria deixar essa importante data passar em branco. Durante toda a semana, foram realizadas com os estudantes atividades com o objetivo de demonstrar aos alunos o respeito e a inclusão de todos os tipos de deficiências. As equipes de profissionais da escola prepararam uma semana repleta de atividades de estimulação sensorial e de habilidades.

Os alunos participaram de atividades com jogos, show de talentos e circuito de habilidades, onde os alunos tiveram a oportunidade de conhecer a realidade de deslocamento da pessoa com deficiência visual.

O ponto alto da comemoração foi o Show de Talentos, onde os estudantes puderam demonstrar todas as suas habilidades com músicas, danças, poesias e instrumentos musicais. “Essa é uma semana muito importante, não apenas para os alunos, mas também para os profissionais. É uma semana em que eles podem sair da rotina e se divertirem, mas que ao mesmo tempo, ensina sobre a inclusão e respeito ao próximo”, afirma a diretora da Escola Ecumênica, Dinéia Urbanek.